Quarta, 13 Novembro 2019

Facebook

Greve geral: bancários de Niterói confirmam participação e se juntam a mais de 50 categorias no RJ

Publicado em Notícias Quarta, 12 Junho 2019 11:07

Centenas de categorias já aderiram à greve geral do dia 14 de junho. Os bancários de Niterói e região também aprovaram a participação em assembleia realizada na segunda-feira (10/06).

 

A mobilização, chamada por todas as centrais sindicais, pelas frentes Brasil Popular e Povo sem Medo e por movimentos sociais, é contra a reforma da Previdência (PEC 6/2019), que acaba com o direito à aposentadoria de milhões de brasileiros, por empregos, em defesa da soberania nacional, contra as privatizações, em defesa dos bancos públicos e da democracia brasileira. Além disso, os protestos também serão contra os cortes na educação pública que inviabiliza o funcionamento de universidades.

 

Seu Direito

 

O direito de se manifestar contra as mudanças na aposentadoria não é mais uma discussão de lados políticos de direita ou esquerda. O que se discute é o futuro de trabalhadores que contribuíram durante uma vida com o suor para ter o direito à aposentadoria que está ameaçada com as mudanças. Muitos, talvez, nem chegarão a se aposentar ou o recurso que receberá não será suficiente para suprir necessidades básicas.

 

Todos os discursos de que a Previdência é deficitária é utilizado para justificar a reforma. No entanto, as publicidades governamentais não explicam como será financiada a nova previdência.

 

O regime atual da Previdência é tripartite, ou seja, contribuem os trabalhadores, os empregadores e o governo. A contribuição do governo não tem sido repassada e os impostos cobrados como o COFINS e CSLL estão sendo utilizados para pagamento da dívida pública. Além disso, não há cobrança dos devedores da Previdência, entre eles, os grandes bancos e corporações.

 

No sistema de capitalização, apresentado na proposta da reforma, somente o trabalhador contribuirá. Isso é um absurdo se considerarmos o mercado de trabalho brasileiro. Como contribuir por 40 anos e conseguir se manter empregado até os 65 anos? Outra pergunta: por quê o governo e os empregadores não vão mais contribuir para a Previdência?

 

Pesquise mais sobre o assunto. Se informe. É necessário reagir enquanto há tempo.

 

Entidades do Rio que já aprovaram greve.

 

1)Rodoviários

2) SinproRio

3) Sepe redes municipais e estadual

4) Bancários de Campos

5) Bancários de Macaé

6) Sindipetro Caxias

7) Sintufrj

8) Sisejufe

9) ANDES

10)SINTUR-RJ

11)FASUBRA

12)Sindscope (Colegio Pedro II)

13)Setor elétrico- Sintergia na Greve do dia 14

14)SINDPEFAETEC

15)SINTUPERJ

16)SINASEFE

17)Sindipetro NF

18)Sindomesticas NI

19)Sintifrj

20) radialistas

21) enfermeiras

22) Sintuff

23)aduff

24) Bancários de Niterói

25) Sintsaude

26) Asfoc

27) Bancários Baixada

28) Bancários Petrópolis

29) Sindpsi

30) Sindpetro RJ

31) EBC

32) Bancários Rio

33) sindjustiça

34) Asduerj

35) senge

36) AdCefet

37) Asibama/RJ

38) Sintsama

39) Sitramico /RJ

40) sindicato Nacional da casa da moeda

41)sintfort

42) aeroviários

43) sindsep

44) ASBN

45) Bancários Três Rios

46) Adur

47) Sindsprev

48) Sindicato dos Estivadores do RJ

49) Sindicato dos trabalhadores do bloco nos portos do Rio de Janeiro

50) Sindicato Advogados

51) SINDPD/RJ

52) Sindicato dos Farmacêuticos do RJ

53) Sinmed

54) Sinpaf solos

55) Stipdaenit